Luz Ribeiro, nasceu em Jardim Souza, na Zona Sul de São Paulo. A poeta e
pedagoga começou a frequentar saraus na periferia da cidade e a participar de
slams. Venceu o Slam BR de 2016. Foi uma das organizadoras da edição
paulista do Slam das Minas. Autora dos livros “Eterno Contínuo” (2013) e
“espanca estanca” (2017). Saindo do forno, acaba de lançar “Novembro:
pequeno manual de como fazer suturas” em parceria com Jonatas Eliakim.

SARAU FLIPELÔ – SÁBADO, DIA 12, ÀS 19H
no www.youtube.com/flipelo

Share This

Share This

Share this post with your friends!